Pra não dizer que não falei de política ou o Caos a partir de Era uma vez um cavalo que falava inglês

Política, heróis e o caos pela morte do Petit

Pra não dizer que não falei de política, oficializo que meu herói não veste toga. Havia um personagem que eu gostava, que usava tanga (Tarzan). Meu (ou Véi),na boa, HERÓI, mesmo, só o cavalo do Fantasma. Capeto era o lobo? Fantasma foi meu personagem preferido depois do Ken Parker. Colecionava O Pato Donald e, numa chuvarada em Cacequi, perdi essa coleção e mais a coleção de Tex do Jorlei. Viu só o que dá mexer em baús antigos? Vem a infância e na infância ainda se tem ilusões. Nela e na ilusão dela, os meninos ainda têm seus heróis, além do Pai; as meninas acreditam nos contos de fadas e, consequentemente nos príncipes encantados; as misses não são infantes, mas acreditam no Pequeno Príncipe, invertendo os papéis. A criança é o próprio príncipe e não tem final feliz. Preciso escrever algo… meu blog tá parado que nem o trem parado da RFFSA, num contratempo contrabandeado, desempregando chibeiros e ferroviários em privatarias. Ah, olha a política de novo. Voltou a minha verborragia, saiu das minhas veias corpo fora. A Musa voltou! Confesso que escrever é preciso. Há tempos não navego. Sinto-me não Pessoa. Estou, como disse um amigo escritor, me sentindo sincopado, confuso, reticente… Aliás sou assim, um caos a beira de um cais onde caio. Problemas de fuso horário e vem aí o horário de verão e deverão, todos, atrasarem seus relógios, como se adiantasse. Ah, a Musa voltou, mas voltou confusa, rimando e me fazendo voltar no tempo. Quando ainda havia heróis, sem overdose, e o cavalo do Fantasma falava inglês com Chico Buarque. Acho que o Saint-Exupery não devia ter matado o principezinho. Pela volta dos contos de fada… Era outra era, era uma vez.

Era uma vez

Conto uma vez

A nossa estória

Conto de fadas

Canto um fado

E fantasio

E me extasio

Um, dois e três…

Era uma vez

Sem outra vez

É só agora

E dou o fora

Juro por tudo

Palavra de Rei

Não volto atrás

Não conto em ser freguês

Era uma vez

Só uma vez

E já me basta

E a moça casta

Vira moça fada

Sem sapatinho

Sem carruagem

Sem puro sangue inglês

Era uma, apenas uma, só uma , suma vez

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Poemas ou coisa que o valha.... ligação permanente.

23 respostas a Pra não dizer que não falei de política ou o Caos a partir de Era uma vez um cavalo que falava inglês

  1. Nadia Ribas diz:

    Adoro o que tu escreve Raul! Quisera eu, traduzir teus versos,misturando fatos atuais,reais,medievais,quase fatais.Somos todos, personagens de uma historia sem fim,uns herois,outros nem tanto,principes e princesas de rua,suditos de um reino confuso,tristonho e risonho.Onde o encantamento, existe em cada um,de forma singular e unica.

  2. Caren Bernardi diz:

    Raul, não sei escrever bonito como a Nadia Ribas, então, me perdoe a simplicidade hehehe O texto é lindo e maluco rsrsrs Fico encantada como tu consegues escrever de uma forma maluca e dizer tantas coisas importantes e belas… só mesmo sendo este poeta e escritor maravilhoso que és. Tu não és Pessoa, mas não precisas ser, tu és PESSOA, e a pessoa mais talentosa que conheço!!! Parabéns pelo texto, adorei!!! Não deixes a Musa fugir, teus textos me encantam!!!!

  3. Renato Murailh diz:

    Muito boa, a volta. O que seria do poeta (e do homem), sem a Musa?
    Mas a Musa foge e pra longe, por vezes. Em contrapartida, deixa (ou provoca), a inspiração.

    ERA UMA VEZ, poderá ir pro soundcloud, em breve. Abr

  4. Tania T R Figueiredo diz:

    Legal, Raul, achei engraçado,como o próprio autor.
    abç

  5. Luciana Morales Farias diz:

    Eu não canso de achar p máximo… pena mesmo que o principezinho nunca saiu dos contos de fada!!!

  6. Márcio de Souza Bernardes diz:

    Fabuloso, fantástico, fantasmático, mítico!!! No popular, ou populesco, show de bola! Golaço, Raul! Muito bom teu texto e tuas imagens. As costuras e as construções!!! Acho que vou parar de escrever depois de te ler!!! heheheh… Abraço

  7. Valeria diz:

    Parceiro, preciso encontrar essa fonte de inspiracao !! Que venham as notas para aumentar nossa parceria !! Lindo trabalho !!

  8. Vitor Biasoli diz:

    Legal, Raul. Voltar aos heróis de infância é sempre muito bacana. A vivência da infância é clima de eterna poesia. Utilizas muito bem este material. Era uma vez, eram duas vezes. Foram muitas vezes que montamos o cavalo do Zorro e terminamos encontrando o Fantasma.

  9. Rejo diz:

    Raul, Eu me achava maluco, mas creio que achei alguém páreo para mim. Méestreeeee!

  10. Isidoro diz:

    Cara, me senti uma criança “de novo” ou de novo (outra vez). Me fez lembrar dos gibis do Tex e dos da Disney. Putz, quanto tempo. Valeu amigão. Lembranças são partes da vida vivida, ou quem sabe daquelas que queríamos ter vivido. Até cheguei a pensar que nessas histórias o Bastião e o Roberto pudessem frequentar, mas depois me dei por conta que não, mas e quem sabe se sim? Abração parceiro …

  11. Tânia Teresinha Lopes diz:

    Delícia te ler em plena madrugada insone. depois de ser despertada por uma bomba lá fora!Pode ser um gerador que explodiu (quiçá de indignação? ou uma porta de Banco? um fanático pelo futebol?ou um (im)plantador de caos?). Como saber Raul, quando a cabeça da gente é tb uma bomba de tantas duvidas?De qualquer modo, teu retorno à infancia é um refresco pra minha velhice ainda inquieta…
    Lembrei tb da minha coleção de Tio Patinhas e outros tesouros (que cabiam nos meus braços de menina pobre) que emprestei, e nunca me devolveram… Só depois, como estudante, fui saber da possível influência dos pensamentos capitalistas…Mas contrariando as teorias rumei para o lado inverso e (por ironia) a menina que nunca me devolveu minhas revistinhas, foi morar nos EEUU…E fala do Brasil à beça!
    Bueno, volto pra cama… Abrs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s